domingo, 24 de maio de 2009

Ninja

A Arte da invisibilidade... dentre outras, esta era uma técnica muito utilizada pelos ninjas. É a minha preferida, muito embora eu não consiga desenvolve-la muito bem. Até gostaria mas as minhas características (físicas principalmente - combinadas com um temperamento excêntrico) fazem com que ficar invisível não seja possível para mim. Ou pelo menos não por muito tempo.
A foto eu tirei na ida a uma festa à fantasia. Fui de "ninja". Não que eu ande me esgueirando pelos arbustos, empunhando armas ou escalando muros... Olha que essa última opção é bem cabível! Foi mais por preguiça mesmo de pensar em algo mais "menininha" - fazer roupa e maquiagem que iam dar trabalho pra tirar depois... Pedi um kimono emprestado a uma amiga, professora de karatê, enfiei uma bala-clava... Eu estava me sentindo meio ninja naquela semana... E fui.
Continuando... Quando adolescente, eu achava algumas coisas da minha existência muito inconvenientes, como por exemplo eu ser muito ("muito"?) alta e desajeitada. Não era fácil viver tropeçando nas coisas, esbarrando nas pessoas, entornando jarras de suco, quebrando pratos e copos - e broncas e mais broncas!!! Aff... Com o tempo - e a gente cresce... e amadurece - eu descobri algumas outras qualidades peculiares que compensavam aquelas que eu achava indesejáveis. O bom-humor por exemplo é meu grande aliado na hora em que preciso sair de uma situação desconfortável - na pior das hipóteses eu disparo a rir, nem que seja de nervoso, e se tiver alguem solidário por perto ri também e tudo vira festa!
Andei sumida dos blogs. Parei pra postar alguma coisinha porque a saudade estava grande. O tempo realmente anda escasso e o cansaço é visível, confundido por alguém com tristeza, desânimo ou depressão (de onde as pessoas tiram essas conclusões?)... Tava faltando energia. Eu bem que queria sumir por uns dias, ficar quietinha no meu canto, pensando na vida, economizando uma forcinha mas os dias são curtos, a demanda está maior que a oferta e eu tenho muito a fazer. Muito. Muito mesmo.

2 comentários:

Sr. Sete disse...

Sinta-se feliz por se sentir distante. Causa saudade e isso é vantegem berrante.

Raffs disse...

iiiiiiiiiiiaaaaaaaaaaaaaaá!!!

rsss..

saudades, mocinha!
=******

Sejam bem-vindos!

Mi casa, su casa...
 
Copyright 2009 Viviane Zion. Powered by Blogger
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress by Wpthemescreator
Download Royalty free images without registering at Pixmac.com