terça-feira, 26 de maio de 2009

Simples assim...

Cheguei agora há pouco de uma apresentação de uma escola de música daqui de BSB. Fui ver essa neguinha daí do lado tocar - ela, que está iniciando carreira de baterista e por sinal mandou muito bem como sempre.
Na saída tivemos que empurrar o "passatZÃO" vermelho pra fazer pegar - uma aventura só: tio Mário na direção, eu e ela no trabalho braçal. E eu morrendo de achar graça.
Na volta eu olhava o Eixão Sul, pensava na vida, suspirava e me sentia feliz! Como é bom estar junto das pessoas que a gente ama e quer bem! Ter gente como a Tintinha (essa mesmo, que está comigo na foto) fazendo parte da vida da gente. Gente que ri junto, chora junto, leva bronca, dá bronca...
Ser feliz não tem preço, não tem peso, é simples assim... Eu pensava.
E olhava o Eixão Norte, dali do banco de trás a minha discípula que estava sentada à minha frente, no banco do carona, parecia bem maior que eu, parecia um gigante.
Ela que chegou tão pequenininha, tão mirradinha, tão frágil há uns três anos atrás... Que amadureceu (e cresceu um monte)... Acho que é por isso que chega a doer o tantão que eu gosto dela - não está mais cabendo folgada dentro do meu coração. O espaço está ficando apertado!

"Baby"...

amo vc muitãO!!!!!!!!

2 comentários:

Ed disse...

Grande Viviane Zion,
Muito legal este blog. Gostei do texto e acho que pessoas amadas são curas ambulantes. Quando as tocamos podemos ao mesmo tempo sentir que Deus derrama amor a vontade para quem dele quiser usufruir. Amar nada mais é do que sentir Deus no semblante dos nossos amigos. Forte abraço . . .

osvjor disse...

bonito isso, heim.

Sejam bem-vindos!

Mi casa, su casa...
 
Copyright 2009 Viviane Zion. Powered by Blogger
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress by Wpthemescreator
Download Royalty free images without registering at Pixmac.com