quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Antiguidade nova



É que costumeiramente eu tenho a mania de parar e pensar na vida. De tanto pensar, acabo me perdendo das conclusões e me afundando tanto mais nas confusões, nas confissões, enfim... Cansaço novamente pesando sobre os ombros, um frenesi de coisa acontecendo, de situações a administrar. A minha vida segue firme equilibrando a balança entre dois pratos de conteúdos divergentes: de um lado a felicidade transbordante e do outro o eterno e absurdo drama de quem (parece que) nasceu para sofrer (todas) as dores antes de, finalmente, experimentar alguma satisfação.Ando de um jeito que (quase) nada me abala. Já vi um bocado nessa vida e entendi bem menos. Não importa, estou bem viva (ainda) e isso basta!

0 comentários:

Sejam bem-vindos!

Mi casa, su casa...
 
Copyright 2009 Viviane Zion. Powered by Blogger
Blogger Templates created by Deluxe Templates
Wordpress by Wpthemescreator
Download Royalty free images without registering at Pixmac.com